Casa Created with Sketch.

Conheça 7 cenários de ‘Game of Thrones’ que você pode visitar

Enquanto a oitava temporada não chega, conheça regiões remotas e belíssimas paisagens da série que podem ser visitadas na vida real

A sétima temporada de Game of Thrones mal acabou e os fãs já estão ansiosos pelos próximos capítulos da trama. Enquanto eles não chegam, o site ArchDaily reuniu locais reais que foram usados nas filmagens da série para você se distrair.

Da Irlanda à Espanha, os produtores da HBO viajaram mundo afora para retratar o universo mítico que George R. R. Martin descreve em seus livros com uma infinidade de regiões remotas e belíssimas paisagens. Confira sete desses lugares que você pode visitar:

1. Winterfell (Castelo Ward)

Um dos principais locais de filmagem da série é o terreno de 400 hectares em torno do Castelo Ward, na Irlanda do Norte. Localizado perto da aldeia de Strangford, no Condado de Down, o castelo principal é uma propriedade da National Trust datada do século XVIII. O pátio do castelo serve como locação de Winterfell, sede dos Starks e pano de fundo da maior parte da primeira temporada. É possível se inscrever para um Winterfell Tour, que leva o pública para uma jornada de vinte locais de filmagem principais em todo o complexo do castelo.

2. King’s Road (The Dark Hedges)

 (Geograph user Colin Park/ArchDaily)

Outra localização da Irlanda do Norte é o Dark Hedges em Ballymoney, uma avenida instituída pela família Stuart no século XVIII como entrada de sua mansão. Como um dos fenômenos naturais mais fotografados na Irlanda do Norte, alguns espectadores provavelmente reconheceram o túnel das árvores quando foi usado como uma parte norte da Estrada do Rei. No primeiro episódio da segunda temporada, quando Arya Stark escapou de Winterfell disfarçada de menino, ela viaja pela estrada em direção à muralha para se juntar à patrulha da noite.

3. Dragonstone (Downhill Strand)

Outra localização importante na Irlanda do Norte é a praia de Downhill Strand, usada como a ilha de Dragonstone. Downhill se estende por aproximadamente 11 quilômetros e atrai visitantes de todo o município de Londonderry e da pequena cidade vizinha de Castlerock. No universo de Game of Thrones, a praia é visitada por Stannis Baratheon e Melisandre quando eles queimam os Sete Ídolos de Westeros e a Sacerdotisa Vermelha proclama pela primeira vez sua conhecida frase.

4. King’s Landing (Muralhas de Dubrovnik)

 (Wikimedia user Diego Delso/ArchDaily)

Grande parte do set de filmagem de King’s Landing está na Croácia, especificamente em Dubrovnik. As muralhas medievais são Patrimônio Mundial da UNESCO, com as paredes ainda intactas que foram construídas entre os séculos XII e XVII. Elas estão erguidas ininterruptamente por 1,9 quilômetro e atingem uma altura máxima de cerca de 25 metros. Uma das cenas mais notáveis é na estreia da terceira temporada, quando Tyrion Lannister, Bronn e Podrick caminham pelas paredes enquanto elas são reparadas após a Batalha de Blackwater.

 (Wikimedia/László Szalai/ArchDaily)

5. King’s Landing (ou Stradun, Dubrovnik)

 (Wikimedia user Diego Delso/ArchDaily)

Outra localização em Dubrovnik, a Stradun vale a pena ser mencionada pois foi lugar da icônica cena da caminhada da vergonha de Cersei Lannister na quinta temporada. Pavimentada em calcário, a Stradun se tornou a principal via da cidade no século XIII, mas teve que ser reconstruída após um terremoto em 1667.

 (Wikimedia user László Szalai/ArchDaily)

6. Para Além da Muralha (ou Grjótagjá Cave)

 (Petr Brož (Wikimedia user Chmee2)/ArchDaily)

A cena íntima da caverna na terceira temporada, entre Jon Snow e Ygritte, ocorre neste ambiente de aparência mística. Grjótagjá Cave é uma pequena caverna de lava com uma fonte termal natural perto do lago Mývatn. No início do século XVIII, o ex-latifundiário islandês Jón Markússon morava na caverna, que se tornou um popular local de banhos até a década de 1970, quando as erupções aumentaram a temperatura da água para níveis perigosos. As temperaturas diminuíram lentamente com o passar do tempo e a caverna foi usada novamente para banhos na década de 1990.

 (Petr Brož (Wikimedia user Chmee2)/ArchDaily)

7. Sunspear e os Jardins de Água (ou Alcázar de Sevilha)

 (Megan Fowler/ArchDaily)

O Palácio Alcázar de Sevilha, na Espanha, foi usado como sede da Casa Martell. Patrimônio Mundial da UNESCO, é o palácio real mais antigo ainda em uso na Europa e considerado um dos melhores exemplos de arquitetura mudéjar na Península Ibérica. O enorme complexo foi usado em vários episódios ao longo da quinta temporada, onde vemos o jovem casal de noivos Myrcella Baratheon e Trystane Martell namorando nos jardins, antes que Jaime Lannister arraste Myrcella para casa, em King’s Landing, contra sua vontade.

 (Megan Fowler/ArchDaily)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s