Reforma fez o apartamento ganhar um quarto

Parecia mais fácil mudar de apartamento, mas o casal gostava muito do lugar onde vivia. Decidiu encarar a obra, que criou um quarto a mais e trouxe conforto e charme.

Atualizado em

em CASA CLAUDIA

*Matéria publicada em Casa Claudia #617 - Janeiro de 2013

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

Uma nova planta acolhe a família

Assim que a segunda flha de Verônica Motta e Carlos Alberto Marini nasceu, a cobertura de 135 m², em São Paulo, fcou defnitivamente inviável: tinha só dois quartos e um banheiro, a sala era pequena e a área externa, enorme e descoberta, acabava sendo mal aproveitada. A primeira ideia do casal foi procurar outro lugar para viver, mas as arquitetas Lorreine Claudio e Luciana Arruda mostraram que era possível acrescentar um quarto e um banheiro à planta e transformar o estar e o terraço em ambientes gostosos e integrados. Dessa forma, a família poderia permanecer onde queria com a dose necessária de conforto. A área de lazer agora tem toldo e churrasqueira. “Enquanto as crianças brincam, a mãe pode acompanhar seus movimentos até da sala de jantar”, conta Lorreine. Cinco folhas de vidro, que se abrem correndo em trilhos independentes, garantem a visão sem impecilhos.

 

Cores aparecem sem a menor cerimônia

A prioridade era ganhar um banheiro e um quarto para o bebê que chegava, mas a reforma também valeu a pena por outros motivos. Verônica desejava uma casa mais colorida – e conseguiu. Os tons pincelaram paredes, ladrilhos hidráulicos e tapetes, salpicaram almofadas e até os móveis. Amarelo, a cor preferida, contribuiu para o visual vibrante do quarto do casal, que recebeu papel de parede e cômoda de uma nuance luminosa. Além de se encher de personalidade, o ambiente foi ampliado na obra: incorporou a área de uma despensa, transformada em closet, e parte da lavanderia, que virou o banheiro da suíte. Com a redistribuição dos espaços, surgiram ambientes muito agradáveis, perfeitos para uma família que, agora, prefere receber a sair de casa. “Quando nossos amigos chegam e veem o resultado, juram que o apartamento cresceu”, diz Verônica, toda contente.

*Matéria publicada em Casa Claudia #617 - Janeiro de 2013

 

Texto Cristina Dantas | Fotos Evelyn Müller/Divulgação | Ilustração Carlos Campoy