Monte uma horta em um painel de madeira

Horta de temperos fica em painel próximo à piscina neste projeto de Ana Paula Souza. 

Atualizado em

em ARQUITETURA E CONSTRUÇÃO

Fã de cozinhar para os amigos nos fins de semana, quando prepara pratos no caramanchão próximo à piscina, o proprietário desta casa na zona oeste carioca encomendou à paisagista Ana Paula Souza uma horta de temperos com tudo a que tinha direito.

Divulgação
Um título para uma foto sem titulo

"Montei um painel ripado de 4 x 2 m, que, além de sustentar as jardineiras, tornando-as mais acessíveis, ajuda a deixar o espaço menos devassado para a rua de trás", aponta Ana, que explica ainda que as mudas necessitam de quatro horas diárias de sol e adubação mensal. "A rega não pode ser excessiva. O ideal é apenas uma vez ao dia, na parte da manhã ou no fim de tarde", completa.

 

Para fazer igual

Divulgação
Ganchos de aço inox penduram as jardineiras de chapa de zinco (0,55 x 0,15 x 0,15 m) no painel de cumaru maciço. Tudo da Hortinha.
Ganchos de aço inox penduram as jardineiras de chapa de zinco (0,55 x 0,15 x 0,15 m) no painel de cumaru maciço. Tudo da Hortinha.

Ganchos de aço inox penduram as jardineiras de chapa de zinco (0,55 x 0,15 x 0,15 m) no painel de cumaru maciço. Tudo da Hortinha.

 

Divulgação
Identificados com placas de cerâmica, os temperos devem ser podados constantemente para brotar mais.
Identificados com placas de cerâmica, os temperos devem ser podados constantemente para brotar mais.

Identificados com placas de cerâmica, os temperos devem ser podados constantemente para brotar mais.

 

Divulgação
Os canteiros inferiores (1,30 x 0,30 x 0,35 m) embutem jardineiras plásticas. “A maior profundidade acomoda mudas de raízes grandes, como as pimentas”, diz a paisagista, que empregou cascas de pínus como forração.
Os canteiros inferiores (1,30 x 0,30 x 0,35 m) embutem jardineiras plásticas. “A maior profundidade acomoda mudas de raízes grandes, como as pimentas”, diz a paisagista, que empregou cascas de pínus como forração.

Os canteiros inferiores (1,30 x 0,30 x 0,35 m) embutem jardineiras plásticas. "A maior profundidade acomoda mudas de raízes grandes, como as pimentas", diz a paisagista, que empregou cascas de pínus como forração.

Simone Raitzik Fotos: André Nazareth

rede mdemulher