13 modelos de máquinas de lavar roupas, secadoras e tanquinhos

O espaço da lavanderia e o tamanho ada família devem ser considerados na hora de escolher a máquina de lavar. Aproveite as sugestões de especialistas e conheça 13 lançamentos de equipamentos, dos sofisticados aos mais simples.

Reportagem Visual Edson G. Medeiros | Texto Letícia De Almeida Alves | Fotos Marco Antonio (ambientes) e Divulgação (produtos) | Ilustrações Raul Gmeiner

Abertura superior ou frontal? Máquina de lavar e secar juntas ou separadas? Que capacidade escolher? Para responder as dúvidas sobre a escolha da máquina de lavar e de secar roupas é preciso observar o tamanho da sua lavanderia, as quantidade de roupa lavada semanalmente e, claro, a sua possibilidade de investimento. Abaixo, algumas orientações de especialistas e, nas fotos, as informações técnicas e os preços de cada um dos modelos escolhidos.

Cuidados na instalação

 

• Lavadoras e lava-e-seca precisam de pontos elétricos e hidráulicos exclusivos.

• Verimque sempre se a voltagem do aparelho é a mesma da tomada onde ele será ligado.

• Posicione os equipamentos em superfície plana e nivelada, o que evita trepidações, barulho e vazamentos.

• Premra instalar o aparelho com uma assistência técnica credenciada a fim de garantir a qualidade do serviço.

• Secadoras a gás pedem tubulações especiais para elas.

Fique de olho!

 

• A capacidade dos aparelhos refere-se aos tecidos molhados. Vinte camisetas ou oito calças jeans equivalem a 8 kg.

• Em geral, máquinas com abertura frontal lavam a roupa com menos água do que os modelos de abertura superior.

• Dispor de uma saída de água quente elimina a etapa de aquecimento na lavagem, economizando energia.

• No processo de secagem, alguns tecidos, como o algodão, podem encolher. Evite misturar peças de composições e peso diferentes.

• Verifique se o aparelho escolhido tem o selo Procel de emciência energética. A letra A é a que garante maior economia.

• O preço das lavadoras varia conforme sua capacidade e os recursos que elas possuem (displays eletrônicos, controles de nível de água, velocidade de centrifugação etc.) Procure os que realmente atendam às suas necessidades.

• Para quem não suporta barulho, os modelos sem correia e sem polia, mais silenciosos, são indicados.

• Se o orçamento anda curto, você pode optar por lavadoras mais simples ou tanquinhos, que lavam, mas não centrifugam. Mais baratos, eles têm funcionamento semiautomático e corpo de plástico. São ideais para casas no litoral, pois não oxidam.

• As centrífugas mnalizam o processo dos tanquinhos semiautomáticos, pois drenam a água das roupas. Mas, por vezes, a soma do valor dos dois aparelhos equivale ao preço de uma lavadora.

Como ter uma lavagem perfeita

 

- Separe as roupas entre brancas, coloridas e escuras. E os tecidos entre leves de pesados.

- Não use mais sabão do que o indicado. Para evitar manchas, dissolva o produto em água morna antes de colocá-lo no dispenser ou use sua formulação líquida.

- Não lave roupas de cama e banho juntas. As fibras que as toalhas soltam grudam nos lençóis e formam ‘bolinhas’ no tecido.

- Feche sempre zíperes e botões das roupas antes de lavá-las.

- Coloque as peças maiores no fundo do cesto e as menores na parte superior ou frontal da lavadora.

- Utilize sacos protetores com tela para evitar que meias e blusas de lã estiquem.

- O vinagre de álcool branco, além de ser bactericida e não poluente, substitui o amaciante, conserva melhor as cores e não deixa resíduos nas roupas.

- Não exagere no molho: mais do que 60 minutos, a sujeira se espalhará ainda mais na roupa.

- Alvejantes devem agir no máximo por 15 ou 20 minutos –o cloro degrada as fibras e as enfraquece.

- Na hora de secar, sacuda bem a roupa e a estenda no varal, em cabides, sem deixar dobras ou franzidos. Use o mínimo possível de pregadores, eles marcam o tecido.

- Roupas vermelhas devem ser lavadas sozinhas. Este pigmento se solta mais fácil e pode manchar inclusive roupas escuras.

Fonte: Personal organizers Cristina Papazian, do blog Organize Assim, e Vera Corradi, formada pela OZ! Organize sua vida.

Sanfona: Que cuidados básicos você deve ter com sua máquina

- Máquinas lavadoras e secadoras devem ser posicionadas em local arejado, de superfície plana e nivelada e a no mínimo dez centímetros da parede e outros móveis. Esse cuidado evitará trepidações, barulhos e vazamentos.

- Para lavadoras e lava-e-seca são necessários dois tipos de instalação: elétrica e hidráulica, já que elas precisam de energia e água para funcionar.

- Entrada de água: A pressão que chega à entrada do produto não deve estar acima ou abaixo das pressões mínima e máxima estipuladas no manual do consumidor. É também recomendável uma torneira exclusiva. Caso não haja, a do tanque pode ser usada.

- Saída de água: Deve ser respeitada a altura do dreno, pois se ele estiver abaixo do recomendado, a lavadora não completará o nível de água necessário para o seu funcionamento. E se estiver acima, não será possível escoar a água. A mangueira de escoamento pode ser instalada no próprio tanque ou num cano exclusivo, que deve ser, no mínimo, 5 centímetros de diâmetro, para evitar refluxo.

- Antes de ligar o produto na energia, verifique se a tensão (voltagem) de alimentação, indicada na etiqueta no cabo de força, é a mesma da tomada onde ela será ligada (127V ou 220V). Também não é recomendado o uso de adaptadores ou extensões ou ligações.

Fonte: Victor A. Dantas, gerente geral de serviços ao consumidor da Whirlpool, empresa detentora das marcas Brastemp e Consul.

Quais as principais diferenças entre lavadoras com abertura frontal e superior?

 

_

tabela-maquinas-de-lavar-roupa-secadora-tanquinho

Fonte: Victor A. Dantas, gerente geral de serviços ao consumidor da Whirlpool, empresa detentora das marcas Brastemp e Consul.

Marco Antonio

01-maquinas-de-lavar-roupa-secadora-tanquinho
<p> Nesta lavanderia, a lava-e-seca de 8,5 kg (LG) está na medida para um casal. A área tem varal eletrônico (Pluma Varais), armários da Ornare e piso da Portobello.</p>
.
Fechar

Curta CASA CLAUDIA no Facebook