Jardim com o vigor da mata

Flores e plantas bem brasileiras, típicas da mata Atlântica, tomam conta deste jardim.

Por Maggi Krause | Fotos Gui Morelli | Ilustração Carlos Campoy

O projeto de paisagismo desta casa paulistana resgata espécies da mata Atlântica pouco utilizadas em jardins ou esquecidas pelo tempo e pelos modismos. Pesquisas em viveiros renderam plantas bem brasileiras para compor o canteiro que emoldura o gramado. O local imita a exuberância da floresta ao combinar arbustos, palmeiras e folhagens de variados tons de verde e com diferentes texturas e volumes. Para completar, exibe o colorido das flores, que despontam ao longo do ano. Para manter as flores e folhagens sempre bonitas, não basta se preocupar somente em acertar rega e na adubação, é preciso combater às pragas.

Divulgação
No canteiro, se destacam as folhas grandes da macaranga (1)....
No canteiro, se destacam as folhas grandes da macaranga (1). O tronco, comprado em antiquário, serve de banco. Ao lado do móvel e no detalhe, veja o colorido da capota-vermelha (2).
.
Fechar

Curta o CASA.COM.BR no Facebook

-->