Camas de casal

Se a idéia é executar um arremate para camas vendidas sem cabeceira ou ainda renovar o visual da peça que você já tem, apresentamos algumas sugestões. Inspire-se e veja as dicas de profissionais para deixar a decoração do quarto equilibrada

Da redação

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Entalhe compõe relevos ondulados

"Neste quarto, quis deixar a cabeceira dominar a cena", explica a designer de interiores Cilene Monteiro Lupi, que optou por uma cama de madeira tingida de marrom-castor. "O trabalho em curva dispensa acessórios na parede", completa. A tonalidade escura foi estendida às mesas laterais, de formatos diferentes. "De um lado, o modelo redondo traz um ar romântico. Do outro, coloquei um gaveteiro convencional", diz. Nos acessórios, as cores são quentes: terracota na colcha (Paola Da Vinci), vermelho e marrom nas almofadas (Stilarredo). Da Madeira Bonita, a cama mede 1,80 x 2 m. Foto: Luis Gomes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Jogo de tonalidades de madeira

Neste quarto, a arquiteta Thereza Dantas escolheu uma cama de desenho reto e puro, na qual o destaque é o trabalho da cabeceira: as lâminas de cumaru, de diferentes tonalidades, foram paginadas como em um piso de tacos. "É o tipo de peça que, sozinha, decora o ambiente", afirma. Para valorizar o móvel, os quadros foram dispostos apenas sobre as mesinhas laterais, compondo uma espécie de moldura, e o tapete listrado (Fernando Jaeger) reforça o desenho riscado da cabeceira. Manta da Mimi Soffer. A cama, batizada de Parquet (1,58 x 1,98 m), também na Fernando Jaeger. Foto: Luis Gomes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Pintura sobre placas de MDF

As artistas plásticas Adriana Pedrosa e Carlota Gasparian, do ateliê Adriana e Carlota, criaram esta cabeceira usando dois painéis de MDF forrados de lona. "Fizemos colagens e desenhos sobre essa base texturizada", explica Adriana. As estampas têm inspiração oriental, a exemplo de outras peças da decoração: cama baixa Luni de pau-marfim (2,1 mil reais na Pavlon), para colchões de 1,38 x 1,90 m, e luminárias de papel de arroz. Cortadas para se ajustar à largura da cama, as pranchas medem 1,55 m x 28 cm e 1,55 m x 20 cm. Ambiente da arquiteta Carla Pontes. Foto: Luis Gomes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

A cama Nina, de MDF revestido de folha na cor amêndoa, é adequada para colchões de 1,38 x 1,88 m e espessura de 18 cm. Na Etna. O jogo de lençóis é da Zêlo. Foto: Luis Gomes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Nas cores branca ou preta, a peça Nobile aceita colchões de 1,60 x 2 m. De cedro com aplicação de couro e costura aparente, a estrutura mede 1,70 x 2,13 m. Na Esfera. Foto: Luis Gomes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Painel ladeado por espelhos

Quando se mudaram, os moradores deste apartamento quiseram aproveitar a cama box spring de tamanho padrão que já tinham - a peça os acompanha desde o início do casamento. Então, a arquiteta Vanessa de Barros centralizou na parede do quarto um painel de 1,50 x 2,50 m, feito de freijó-linheiro, para arrematar o móvel. "As folhas de madeira foram coladas para que os veios formassem um X", afirma. Nas laterais, dois espelhos (Ancar Vidros) emolduram a composição, além de ampliar o quarto. O serviço foi executado pela Marcenaria Almudena. Foto: Luis Gomes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Revestida de couro texturizado

Cama, cabeceira e criados-mudos formam um conjunto no quarto decorado pela arquiteta Cintia Aguiar. As peças são feitas de carvalho, revestido de couro croco e com pespontos cor de pinhão. "Tirei partido dos móveis laterais com alturas diferentes para dar a sensação de movimento", diz. Note: um deles conta com uma prateleira de vidro. Assinada por Graça Kazan e Luiz Mário Moura, a cama Bob, da Brentwood, já com a cabeceira e sem os criados, mede 2,10 x 2,20 m. A colcha é da Trousseau, as almofadas e a manta, do Empório Beraldin, as luminárias, da La Lampe. Foto: Luis Gomes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Feita de MDF, a cama Suspiro, além do acabamento de laca branca fosca, tem mais quatro opções de cor. Mede 1,72 x 2 m. Na Estar Móveis. Foto: Luis Gomes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Feita de madeira amapá, a cabeceira Trienalle vem revestida de couro sintético liso e pode trazer detalhes opcionais de tecido ou couro. A peça da foto (1,95 m x 94 cm de altura) vale 1 320 reais na Saccaro. Foto: Luis Gomes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Este modelo (1,40 x 1,90 m) tem estrutura de MDF folheada de freijó-linheiro, cabeceira de couro natural e pés de aço cromado. Na Casa Pronta, sem os painéis e os criados-mudos. Também em cedro castanho-escuro e pau-marfim natural ou mel. Ambientação e cama assinadas pelo decorador Toninho Noronha. Manta da Casa Mineira. Luminária da Simone Figueiredo Luz. Foto: André Fortes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

A News exibe perfis de alumínio na cabeceira. De MDF folheado de sucupira nero (foto), sucupira natural ou imbuia, tem 1,60 x 2 m. Na Ilustre. Foto: André Fortes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Uma manta fica entre a estrutura de cedro-rosa e o revestimento de couro natural, que pede limpeza com pano úmido. A Portofino mede 1,80 x 2m, na Quartos & Etc. Disponível em outras medidas e cores. Ambiente assinado pela decoradora Clarisse Reade. Criado-mudo da Quartos & Etc. Tapete da Empório Beraldin. Cortina da Casa Mineira. Foto: André Fortes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

A Etnik pode ser café, mel ou natural. Na Futon Company, com estrutura de lyptus, tatame (1,80 x 2,05 m), futon (1,58 x 1,98 m) e cabeceira (1,60 m x 60 cm). Foto: André Fortes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

De cedro, a Almodóvar é branca, preta, abricó, castanha ou pinhão. Com detalhes de aço na cabeceira, mede 1,40 x 1,90 m. Na esfera. Foto: André Fortes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Andiroba, mogno e couro na Quadratto. Esta mede 2 x 2,10 m, na Empório Beraldin. Foto: André Fortes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

De pau-marfim tingido nas cores uísque (foto) e castor ou sem pátina branca, a Paris exibe cabeceira entalhada. O estrado, feito de duas chapas da mesma madeira, deixa o colchão ventilar. O tamanho king size mede 1,80 x 2 m, na Madeira Bonita. Disponível em várias medidas. Criado-mudo castor, também da Madeira Bonita. Luminária da Puntoluce. Roupa de cama da Trousseau. Foto: André Fortes

Divulgação

Um título para uma foto sem titulo

Da linha Garda (1,60 x 2 m), mistura madeira amapá e málaca tratada contra mofo e cupim. Esta tem tingimento nocce, mas há mais seis opções de tom. A Saccaro indica escova macia na limpeza da fibra e lustra-móveis na madeira. Foto: André Fortes

Curta o CASA.COM.BR no Facebook