3 segredos para criar um arranjo de flores perfeito

Anne Vitchen, florista do famoso hotel parisiense Ritz, dá alguns de seus segredos para criar arranjos de flores para qualquer ocasião

em CASA CLAUDIA

Reprodução | Architectural Digest | Cedric Helsly

	Neste buquê de Anna Vitchen, uma dúzia de gladiolos rosa choque contrasta com pétalas de tom quase pastel de outras flores da mesma espécie. Entre elas, apenas sua folhagem natural e um pouco de folhas de eucalipto verdes e arroxeadas.
Neste buquê de Anna Vitchen, uma dúzia de gladiolos rosa choque contrasta com pétalas de tom quase pastel de outras flores da mesma espécie. Entre elas, apenas sua folhagem natural e um pouco de folhas de eucalipto verdes e arroxeadas.

Paris é a cidade do amor – e não há nada mais romântico no décor do que as flores. Anna Vitchen, florista do hotel Ritz na cidade luz, é especialista em criar buquês que trazem a atmosfera primaveril para o espaço o ano todo. Além dos corredores e quartos do hotel, Vitchen criou o ateliê Au Jardin de Matisse em 1998 e tem a joalheria Tiffany & Co. e a marca Louis Vuitton entre sua lista de clientes. De buquês pequeninos a composições estonteantes como esta, a florista aplica três máximas que ensinou ao Architectural Digest

1. Autocontrole

Ao trabalhar com flores é fácil se deixar levar pela beleza das pétalas e suas cores, misturando tons e tipos. Arranjos de sucesso, pelo contrário, devem seguir a máxima menos é mais. É preciso ter autocontrole, não usando mais que duas espécies por arranjo.

2. Uniformidade

Para Anna, a abundância de cores tira a harmonia romântica da composição. Ela dinamiza e traz profundidade aos arranjos usando diversas nuances de uma só cor. A diferença de intensidades no tom deixa o décor elegante, com um toque de modernidade.

3. Claridade

É preciso ter cuidado com a quantidade de verde usada para preencher o arranjo. A intenção que se deve ter na criação de um belo buquê é, de acordo com Vitchen, “criar uma explosão de cor”. Para evitar ofuscar as flores, basta usar as folhas naturais dos ramos e só um outro elemento diferente com moderação, à exemplo do eucalipto.

 

Leia também:

Especialistas ensinam a fazer arranjos de flores rápidos e de efeito

28 perfis do Instagram que amam flores e plantas para você seguir

Primavera: como adicionar flores aos seus cantinhos favoritos

Débora Fernandes